Clima e Previsão do Tempo
Santos, SP/

08/06/2012

Subsídio do Tesouro para BNDES atinge R$ 28 bi em três anos

A estratégia adotada pelo governo para reforçar os cofres do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e dar impulso aos investimentos custou aos contribuintes R$ 28 bilhões nos últimos três anos, informa reportagem de Lorenna Rodrigues, publicada na Folha desta sexta-feira (a íntegra está disponível para assinantes do jornal e do UOL, empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha).

O valor foi calculado pelo próprio governo e foi revelado por um relatório do TCU (Tribunal de Contas da União) divulgado no fim de maio.

Ele representa a primeira estimativa oficial sobre os custos da acelerada expansão que o BNDES teve nos últimos anos.

Para combater os efeitos da crise financeira internacional em 2008, o governo decidiu emprestar recursos do Tesouro para o BNDES, ampliando sua capacidade de oferecer crédito barato às empresas.

Fonte: Folha / UOL  - 8/6/2012

Voltar

Leia também

CAFÉ: De olho nos estoques certificados e na chuva no Brasil, arábica abre estendendo ganhos

ELEIÇÕES: Urnas eletrônicas passam por auditoria

COMÉRCIO EXTERIOR: Correção aduaneira sobre importação por pessoa física é avanço, dizem especialistas

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.