Clima e Previsão do Tempo
Santos, SP/

20/09/2011

“PAC é sagrado”, afirma Miriam Belchior

Pedro Venceslau (pvenceslau@brasileconomico.com.br)

A ministra afirmou que nenhum ministério tem orçamento previsto para 2012 menor que o de 2011 e garantiu que as empresas de energia não serão afetadas

A ministra afirmou que nenhum ministério tem orçamento previsto para 2012 menor que o de 2011 e garantiu que as empresas de energia não serão afetadas

O Palácio do Planalto deflagrou uma ofensiva para blindar o governo das especulações sobre o reflexo da crise internacional nos planos de investimento do governo.

Durante almoço com 250 empresários do Lide (Grupo de Líderes Empresariais) nesta segunda-feira (19/9), em São Paulo, a ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior, disse que os recursos para investimento são "sagrados".

"Em relação ao PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), nós faremos da mesma maneira que em 2009, no auge da crise internacional: vamos manter os recursos previstos. Eles geram empregos e garantem o crescimento da economia".

A ministra afirmou que nenhum ministério tem orçamento previsto para 2012 menor que o de 2011 e garantiu que as empresas de energia não serão afetadas.

"Não há razão para preocupação. A maior parte dos investimentos em energia vem das empresas estatais, que estão aumentando seus recursos de investimento".

A ministra também saiu em defesa do polêmico Regime Diferenciado de Contratações (RDC). "Esse é o futuro das licitações no país".

Fonte: Brasil Econômico - 19/9/2011
Voltar

Leia também

Câmara de Tecnologia & Inovação: Novo nome

Nova coordenação do Núcleo Jovem toma posse e anuncia projetos para desenvolvimento da ACS

CAFÉ: Pressão no financeiro: Café acompanha dia de baixas e recua mais de 400 pontos em Nova York

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.