17/08/2011

Polícia Federal deflagra megaoperação para tentar recuperar R$ 1 bilhão para a União

Operação conjunta da Polícia Federal (PF) e da Receita Federal desencadeada nesta quarta-feira (17) age para desarticular uma organização formada por empresários acusados de formação de quadrilha, lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e sonegação fiscal. O grupo, que atuava principalmente nos Estados de São Paulo e Bahia, mas com ramificações em mais 15 Estados, teria dado prejuízo de R$ 1 bilhão aos cofres públicos.

Ao todo, estão sendo cumpridos 31 mandados de prisão, 129 de busca e apreensão, além de 63 mandados de condução coercitiva e mais o sequestro de bens de 62 duas pessoas físicas e 195 pessoas jurídicas.

De acordo com a corporação, a operação intitulada “Alquimia” é uma das maiores do gênero deflagradas nos últimos anos no país.

A suposta organização criminosa é composta por mais de 300 empresas nacionais e estrangeiras, sendo que a maioria das companhias do exterior tem a sede nas Ilhas Virgens Britânicas. Ainda segundo a PF, foram identificadas 50 empresas “laranjas” no esquema fraudulento.

Será dada uma entrevista coletiva ainda na manhã de hoje, na sede da Polícia Federal em Belo Horizonte, na qual será detalhado o “modus operandi” do esquema.

Rayder Bragon

Fonte: Uol Notícias - 17/8/2011

Voltar

Leia também

CAFÉ: Exportação dos Cafés do Brasil atinge 29,7 milhões de sacas no acumulado de nove meses

ECONOMIA: Selic deverá atingir 8,75% para controlar a inflação

PETRÓLEO E GÁS: Produção de petróleo e gás no pré-sal é recorde em setembro

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.