Clima e Previsão do Tempo
Santos, SP/

20/09/2010

Novo comércio de moda: Clientes financiam peças e investimento é revertido em roupas

Investir em coleções de estilistas, influenciar seus processos criativos e receber o investimento inicial de volta na forma de roupas da estação. Este é o inovador modelo de comércio de moda que 2 estudantes de administração da universidade de Harvard vão lançar em meados de abril.

Inspirado na interação que redes sociais como Twitter e Facebook proporcionam, o Fashion Stake visa democratizar a moda eliminando a trajetória árdua que novos estilistas costumam trilhar até vender suas criações em grandes redes varejistas. Desta forma, clientes empreendedores também ganham, pois passam a colaborar na criação, capitalização e distribuição das roupas.

Daniel Gulati, presidente-executivo da empresa, afirma que as principais metas do projeto são deixar que o público escolha quem é bom o suficiente para vender seus produtos e dispensar varejistas no processo de venda. Para ele, é questão de tempo até que a novidade mude completamente o cenário do comércio de moda.

Entenda cada etapa deste novo modelo de negócio

1º Consagrado ou não, o estilista cadastra sua coleção no site, com fotos de todas as peças-piloto;

2º É estipulado um valor mínimo para ser arrecadado, para que só então as peças sejam fabricadas na escala desejada e comercializadas;

3º Visitantes cadastrados no site investem determinada quantia na marca que desejam;

4º Até que o valor final seja obtido, investidores podem sugerir alterações na coleção;

5º Com todo o capital necessário arrecadado, as peças são produzidas e vendidas pelo site;

6º O valor aplicado pelos investidores na marca é convertido em crédito para a compra de peças do mesmo estilista.

Eduardo Pedroso
eduardo.pedroso@usefashion.com

Fonte: Use Fasion.com - 5/4/2010
Voltar

Leia também

CAFÉ: OIC aprova proposta para novo acordo internacional do café

TRANSPORTE: Estado de SP congela valor de pedágios e não aplicará reajuste neste ano

PETRÓLEO E GÁS: Senado marca votação da PEC dos Combustíveis para hoje

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.