Clima e Previsão do Tempo
Santos, SP/

20/09/2010

Investimentos em tecnologia da informação ficarão estáveis neste ano, aponta pesquisa

Levantamento do Gartner mostra que entre as prioridades de investimentos estão virtualização, cloud computing, web 2.0, tecnologias móveis e gerenciamento de dados e documentos

Por Heloiza Camargo

O instituto Gartner, especializado em pesquisa e aconselhamento sobre tecnologia, divulgou o resultado do estudo “2010 CIO Agenda” e constatou que neste ano os orçamentos de tecnologia da informação continuarão estáveis se comparados com os níveis de 2009, época em que tiveram um declínio de 8,1%. O ano passado foi, também, o mais desafiador para o setor de TI desde o início do estudo, em 1999, pois a área enfrentou cortes de orçamento que interromperam o ciclo de quatro anos de aumentos.

Mark McDonald, presidente e diretor da unidade Gartner Executive Programs (EXP), acredita que a partir de agora a área de TI irá conseguir assumir uma posição estratégica dentro das organizações, contribuindo de fato para a inovação e a competitividade.

A pesquisa, respondida por 1.586 diretores de TI do mundo todo, apontou ainda quais são as dez prioridades de investimentos das empresas em tecnologia da. Entre elas, virtualização, cloud computing, web 2.0, tecnologias móveis e gerenciamento de dados e documentos.

As expectativas das empresas estão mudando, segundo a pesquisa. Antes, o modelo era maior eficiência focada em custos. Hoje, a ideia é conseguir melhores resultados com o aumento da produtividade, que por sua vez virá de soluções colaborativas e inovadoras, derivadas da tecnologia da informação. Além disso, o uso de tecnologias consideradas “leves”, como as mídias sociais, também terão um papel importante nessa nova etapa. A sua implantação não requer gastos significativos e pode ser feita rapidamente.

Fonte: Revista Pequenas Empresas Grandes Negócios - 6/4/2010
Voltar

Leia também

Programa ACS na TV: Eduardo Heron, Diretor Técnico do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil - CECAFÉ

CAFÉ: Principais pontos dos preços do café no mês de janeiro

CAFÉ: Café solúvel: exportação do Brasil cai em volume, mas tem receita recorde em 2022

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.