28/01/2011

Governo descumprirá meta fiscal de 2010, afirma Mantega

BRASÍLIA - O setor público consolidado não vai cumprir a meta fiscal de 3,1% do PIB em 2010, disse o ministro da Fazenda, Guido Mantega. Segundo ele, "vai faltar alguma coisa" para completar o exigido pelos governos regionais.

Pelo segundo ano consecutivo, acrescentou, o governo vai abater investimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para chegar à meta.

Os dados sobre a economia para pagamento de juros do setor público não financeiros relativos a 2010 saem na segunda-feira pelo Banco Central (BC).

Mantega destacou que os números divulgados pelo Tesouro Nacional garantiram o cumprimento da meta de superávit do governo central (Tesouro, Previdência e BC), que era de 2,5% do PIB. O superavit acumulado em 2010 somou R$ 78,966 bilhões de reais, o equivalente a 2,16% do PIB.

(Azelma Rodrigues | Valor)

Fonte: Valor / Uol - 28/1/2011
Voltar

Leia também

Deputada leva à ANS pleito da Associação Comercial de Santos, Diário do Litoral, 21/10/2021

Associação Comercial de Santos promove agenda de sustentabilidade no próximo dia 28

CAFÉ: Exportação dos Cafés do Brasil atinge 29,7 milhões de sacas no acumulado de nove meses

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.