Clima e Previsão do Tempo
Santos, SP/

28/10/2021

Associação Comercial de Santos entrega proposta de IPTU Verde ao prefeito de Santos

Associação Comercial de Santos entrega proposta de IPTU Verde ao prefeito de Santos

Fonte: Departamento de Comunicação 

Com o objetivo de deixar um 'presente' para o futuro, a Associação Comercial de Santos (ACS) apresentou a seus associados e convidados, a agenda de sustentabilidade denominada ACS ESG, na manhã desta quinta-feira, em seu auditório.  Na ocasião,  a entidade entregou uma propositura ao prefeito de Santos, Rogério Santos, para que o Município crie o 'IPTU Verde' e conceda descontos a proprietários de imóveis que implantem medidas sustentáveis.

Em  seu discurso de abertura, o presidente da ACS, Mauro Sammarco, falou sobre movimentos que existiram no passado e que deixaram legados.  "Hoje, temos a sigla ESG - “Environmental, Social and Governance” (ambiental, social e governança, em português). A  ESG, geralmente, é usada para medir as práticas ambientais, sociais e de governança de uma empresa e pode apontar o quanto um negócio busca formas de minimizar seus impactos no meio ambiente, construir um mundo mais justo e responsável para as pessoas em seu entorno e manter os melhores processos de administração”.

O presidente ainda ressaltou que a  ACS se compromete com o lançamento de uma agenda ESG que trará inicialmente as  ações voltadas para o ambiente, social e Governança. “Ambiental, com a gestão dos impactos ambientais pela geração de resíduos e consumo de energia elétrica das nossas instalações (instalando sistema de energia solar);  Social , com a educação, formação de talentos e empreendedorismo através da ACS Academy, em conexão com a ACS Jovem (cursos, parcerias e programa de jovens empreendedores) e Governança, com a  estruturação e implementação de Plano Estratégico para a gestão da ACS”.

A ACS também desenvolverá um calendário de eventos. No próximo dia 04, haverá a qualificação de colaboradores e membros da ACS Jovem em práticas de ESG. “Um novo evento, voltado à geração de oportunidades para mulheres vítimas de violência doméstica, irá ocorrer no final de novembro.  A programação continuará em 2022 e nos próximos anos, com diversos eventos e iniciativas, incluindo o Fórum ESG, que será realizado em meados de setembro e que premiará associadas que se destacarem pelas práticas que envolvem o ESG", explicou .

IPTU verde

A Associação Comercial de Santos (ACS) propôs à Prefeitura de Santos, à semelhança do que já existe em outras cidades brasileiras,  que estabeleça, através de Lei Complementar própria, uma legislação criando o “IPTU Verde”.   “O imposto consiste na instituição de descontos no valor do IPTU cobrado dos contribuintes que implementem em seus imóveis benfeitorias focadas na utilização sustentável dos recursos naturais", explicou Sammarco.

A proposta foi bem recebida pelo prefeito de Santos, Rogério Santos, que  irá levar a questão para a Câmara de Vereadores para que a lei seja analisada e votada.
"A pauta da sustentabilidade e ambiental é importante. Santos tem um papel importante. Nós fazemos parte, de um grupo de estudo internacional, e Santos é a única cidade brasileira, em parceria com universidade da Flórida e universidades europeias, que faz um trabalho científico e tecnológico para o monitoramento das mudanças climáticas”.

O prefeito também falou que o Conselho de Desenvolvimento Urbano (Condesb) pretende impulsionar ações de mobilidade urbana sustentável e de baixo impacto poluente nos nove municípios, com recursos do Programa Euroclima+, da União Europeia, que financia ações de mitigação e adaptações aos efeitos das mudanças climáticas.  

Programa #Voudebike

Antes do presidente da ACS, Mauro Sammarco, falar sobre a agenda de sustentabilidade, a associada da ACS,  ModalGR,  e a empresa, E-moving, lançaram o projeto #voudebike.

O programa disponibilizou 200 bicicletas elétricas (e-bikes) para os que os colaboradores da ModalGR usem à vontade, inclusive para fazer o trajeto até o escritório. A ideia é incentivar, cada vez mais,  o uso deste meio de transporte sustentável.

As e-bikes oferecidas  têm uma bateria que carrega em três horas e uma autonomia de 25 km. De acordo com o diretor da ModalGR,  Luiz Simões,  cada bicicleta terá um GPS para analisar quantos quilômetros  os colaboradores andam por dia e, com essa medida, calcular o quanto de CO2 (poluição causada por veículos automotores) deixou de ser emitido no meio ambiente.

O outro diretor da ModalGR, Danilo Abbondanza, explicou que a empresa foi criada em 2015 e é uma consultoria de tecnologia e inovação. “A empresa é nova e  tem como principal DNA a inovação. Hoje, atendemos os principais mercados, com foco logístico e portuário. Estamos expandido muito e vamos abrir um filial em Portugal neste final de semana,  e, ano que vem abriremos uma filial nos Estados Unidos.

Já o CEO da E-moving, Gabriel Arcon, explicou que a empresa nasceu há seis anos com o objetivo de ser a melhor opção de mobilidade urbana, de curta a média distância. "Em São Paulo, onde ficamos, calculamos que a distância para o trabalho era de 7,8 quilômetros. Algo que dá para percorrer de bicicleta. Acredito, que aqui em Santos, essa distância seja ainda menor. Nada mais justo que as empresa ofereçam essa facilidade ao colaborador”.  

 

Voltar

Leia também

INFRAESTRUTURA: Ampliação da capacidade das malhas Paulista e Norte terão incentivos do Governo Federal

ATUALIDADES: Região terá ampliação do estoque de água

COMÉRCIO EXTERIOR: Secex lança consulta pública sobre nova regulamentação do licenciamento de importação

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.