Clima e Previsão do Tempo
Santos, SP/

02/03/2011

A escassez da mão de obra qualificada

Editorial

A mais recente crise de atrasos e cancelamentos de voos que atingiu a principal companhia aérea nacional aconteceu nos mesmos dias em que pilotos e copilotos brasileiros participavam de rodadas de entrevistas para trabalhar em companhias aéreas estrangeiras, no caso dos Emirados Árabes.

O episódio, que indica a evasão dessa mão-de-obra qualificada em direção ao Oriente Médio e a alguns países europeus e asiáticos, coincide com alertas de especialistas sobre a escassez de profissionais de diferentes áreas no mercado interno.

Uma delas, a de engenheiros, adquire contornos bem mais sérios, por se tratar de um tipo de qualificação fundamental para os grandes projetos de infraestrutura em desenvolvimento ou por serem colocados em prática no país.

Em 2010 foram criadas 11.559 vagas para esses profissionais, mas os Conselhos Regionais de Engenharia, Arquitetura e Agronomia concederam registros a apenas 6.529 engenheiros civis, número largamente defasado na comparação com as vagas.

Empresas de áreas em grande evidência, como a de petróleo e gás, por exemplo, são obrigadas, em alguns casos a importar o profissional, ou ir até as escolas e promover o treinamento dos recém-formados, numa espécie de corrida contra o tempo.

O próprio ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, sugeriu que a falta de engenheiros seja suprida por tecnólogos com formação mais curta que a do bacharelado em engenharia.

De imediato, uma alternativa é recorrer à "importação", como pretende a Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), que discute com a embaixada de Portugal a possibilidade de importar engenheiros daquele país. Resta saber se as propostas serão atraentes e competitivas para conquistar esses profissionais. Justamente como acontece com os estrangeiros que importam os pilotos brasileiros.

Fonte: Brasil Econômico - 2/3/2011
Voltar

Leia também

Paulo Corrêa Jr é o primeiro convidado do ciclo de encontros com os parlamentares eleitos pela região

Programa ACS na TV: Sérgio Fernandes Marques, Diretor Jurídico da Associação Comercial de Santos

CAFÉ: Preocupação com demanda persiste e café abre 6ª feira com desvalorização

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.