'Sustentabilidade e a responsabilidade corporativa" é tema de palestra no 70º curso de Classificação e Degustação de Café

 Fonte: Departamento de Comunicação da ACS

Com o tema “Sustentabilidade e a responsabilidade corporativa”, o especialista Soren Knudsen ministrou palestra na manhã desta terça-feira (19) para alunos do 70º Curso de Classificação e Degustação de Café da Associação Comercial de Santos (ACS).

Ao iniciar a palestra, o especialista falou da importância da água e o impacto que ela causa ao tomar uma simples xícara de café. "Vocês já pararam para pensar que são gastos 1.100 litros de água, desde a semente até o bule, para você tomar o café na sua casa? E, infelizmente, o maior consumidor de café do mundo é o ralo".

Por isso, é importante entendimento do tripé da sustentabilidade, que é baseado nos pilares econômico, social e ambiental. “Sem um dos três, a sustentabilidade cai. Se não tivermos o econômico, não haverá habilidade para realizar benefícios ou otimizar o uso de seus recursos naturais. Já social está diretamente ligado aos outros, porque se você não tem dinheiro, não tem como ter bem-estar social, ou seja, saúde, segurança e moradia. Sendo assim, sustentabilidade é dar continuidade a processos hoje e amanhã, sempre criando bem- estar, sem terminar com os recursos que existem, para que eles possam ser utilizados pelas futuras gerações”.


Outro ponto fundamental no que diz respeito à sustentabilidade é a rastreabilidade. “É nessa rastreabilidade que os compradores buscam a certeza que você está produzindo de maneira legal, sem nenhum impacto para o tripé da sustentabilidade, para que eles possam se assegurar, na hora da venda, que esse café representa a marca deles. Então, a rastreabilidade e a certificação devem ser atingidas pelas torrefações, inclusive, internacionais”.

O especialista observou também que é essencial o estreitamento das relações comerciais na cadeia de café, assegurando fidelidade e entrega. "Quem não entregar o que prometeu, está fora do mercado”.

Um pouco antes de terminar a palestra, Koren fez uma brincadeira com os alunos e mostrou uma garrafa com água suja e turva. Com um filtro de água portátil ofereceu para que os alunos tomassem. "Vocês não tem coragem? Esse filtro tira 99% das impurezas e bactérias dessa água. Eu vou tomar. Mas, pensem, se não cuidarmos d´água, é essa água que iremos trabalhar no futuro”.

Por fim, o palestrante ressaltou que é preciso se reinventar no mundo do café. "Espero que vocês reflitam isso: É preciso fazer diferente para se destacar".

 

História do curso

O tradicional Curso de Classificação e Degustação de Café da Associação Comercial de Santos teve início em 1989, com o objetivo de capacitar os alunos a identificar as características do produto, atender às exigências do mercado e criar oportunidades de negócios.

Além de despertar o interesse de profissionais do mercado cafeeiro do Brasil, o curso da ACS é reconhecido também pelos principais países consumidores. No mês de julho de cada ano, japoneses que atuam em empresas relacionadas à indústria do café vêm a Santos especialmente para o curso da Associação Comercial.

São duas horas diárias durante quatro semanas de aprendizagem teórica e prática sobre a história do café, produção, armazenagem, aspectos econômicos nacionais e internacionais, legislação, tecnologia, fiscalização, identificação de grãos, prova de bebida e desenvolvimento de blends (misturas) de cafés.

 

 

                                       





Rua XV de Novembro, 137 - Centro Histórico, Santos / SP - CEP: 11010-151
E-mail: acs@acs.org.br - Telefone: (13) 3212-8200 - Fax: (13) 3212-8201

desenvolvido por marcasite