Manifesto Público a favor da Reforma da Previdência é assinado por dez entidades na Associação Comercial de Santos

Fonte: Departamento de Comunicação da ACS

Um importante passo para um marco histórico do futuro do País ocorreu na tarde desta sexta-feira (26),  no auditório da Associação Comercial de Santos (ACS). Em apoio às reformas consideradas prioritárias para o País, em especial a da Previdência Social, representantes de dez entidades assinaram um manifesto público.

De acordo com o presidente da Associação Comercial de Santos (ACS), Roberto Clemente Santini,  esse manifesto de apoio a todas reformas necessárias para o País é de extrema importância. “Os empresários de Santos, a Associação Comercial e todas essas entidades estão se manifestando em total apoio a esse novo momento o qual o Brasil vive”.

Participaram da solenidade, a Associação Comercial de Santos (ACS), a Associação dos Empresários da Construção Civil da Baixada Santista (ASSECOB), o Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (SINDUSCON), o Sindicato da Habitação (SECOVI), a Associação de Engenheiros e Arquitetos de Santos (AEAS), a Associação Brasileira de Terminais Retroportuários e das Empresas Transportadoras de Contêineres (ABTTC), a Associação Brasileira de Terminais e Recintos Alfandegados (ABTRA), o Sindicato das Empresas de Transporte Comercial de Carga do Litoral Paulista (SINDISAN), a Associação das Empresas do Distrito Industrial e Portuário da Alemoa (AMA) e o Sindicato das Agências de Navegação Marítima do Estado de São Paulo (Sindamar).

O manifesto foi entregue  ao deputado federal Júnior Bozzella (PSL), que assumiu o compromisso de entregar ao presidente da República, Jair Bolsonaro, ao presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia, ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre e ao  ministro da Economia, Paulo Guedes.  “É fundamental a junção de esforços da sociedade, principalmente da classe empresarial que é geradora de emprego e de oportunidade. O momento em que o Brasil vive é necessário que a gente lute pela reforma e pela nova Previdência”.



“Para mim é um motivo de grande responsabilidade, até porque faço parte da Comissão Especial que vai cuidar da nova Previdência. Então, vou ser o portador. Vou levar esse documento ao ministro Paulo Guedes. Ontem, estive com ele e já comentei sobre a articulação deste documento. Ele, de pronto,  já   elogiou essa manifestação da Associação Comercial e dos empresários da Baixada Santista e disse que esse ato deve ser reproduzido  em outras regiões do Estado de São Paulo e do País”.

"A nossa região é muito importante não só pelas atividades portuárias, mas também na questão retroportuária e na  parte turística. Sem falar de toda a nossa contribuição também  como mão de obra nas indústrias de Cubatão. É fundamental um equilíbrio para que a aposentadoria no futuro tenha uma sobrevida. Porque se não fizermos esse grande esforço e se não houver uma contribuição de toda sociedade e de todas a classes também, nós não teremos sustentabilidade dessa nossa Previdência no futuro. É importante acertar essas contas para que, no futuro, meus filhos e meus netos, e o de vocês também realmente tenham complementação. Não é justo que certos segmentos tenham as condição privilegiada em detrimento da grande maioria”.

Miguel Jaime Sealy
Vice-presidente da Associação das Empresas do Distrito Industrial e Portuário da Alemoa – AMA

 

“Todos os que estão comprometidos com o nosso País devem deixar de lado as questões partidárias porque o Brasil é mais importante do que qualquer partido político. E nós como, cidadãos, como empresários e como representantes de entidades não poderíamos nos omitir nesse momento que é muito importante para o futuro no nosso país”.
Jorge Mariano
Presidente do Sindicato das Agências de Navegação Marítima do Estado de São Paulo - SINDAMAR


O País não pode esperar mais. Demorou muito e a gente precisa resolver isso o quanto antes. Eu entendo que todo e qualquer discurso contrário a esse projeto é crime. O País está passando por um momento muito delicado e precisa superar isso o quanto antes.
André Luis Neiva
Presidente do Sindicato das Empresas de Transporte Comercial de Carga do Litoral Paulista – SINDISAN



“Eu acho que esse manifesto pode de certa forma mobilizar o Brasil inteiro. Em Santos, as coisas sempre começam aqui. E isso é de suma importância, Nós estamos em uma expectativa muita grande. Nós, os empresários, em geral, estamos preocupados com o problema da Previdência. E isso, obviamente, não vai resolver de imediato. Isso vai dar, de certa forma, a confiança que o Governo precisa ter para que nós empresários possamos investir e pensar nessa vida nova. Parabéns a iniciativa da ACS e todas as associações que vieram prestar solidariedade a este importante momento da política brasileira”.
Bayard Freitas Umbuzeiro Filho
Presidente do Conselho de Administração da Associação Brasileira de Terminais e Recintos Alfandegados – ABTRA



“Essa iniciativa coordenada pela Associação Comercial de Santos é importante para a economia do País. Todos nós, antes de mais nada, estamos preocupado
s com a situação nacional e com essas mudanças todas. É preciso colocar o bonde nos trilhos. Para que isso ocorra é fundamental que diversas reformas aconteçam, sendo que a da Previdência é aquela que aparentemente deve ser a primeira, sem ser deformada pelo Congresso Nacional. Isso que é o mais complexo e o mais difícil. Esperamos que o Congresso  coloque a mão na consciência e  pense nos interesses individuais e regionais, de cada bancada.  Esse manifesto aqui na Baixada Santista certamente levará um apoio de peso. Certamente, a Baixada Santista tem uma população muito importante dentro do quadro do Estado de SP e um renda per capita  também”.
João Ataliba de Arruda Botelho Neto
Presidente da Associação Brasileira de Terminais Retroportuários e das Empresas Transportadoras de Contêineres – ABTTC



“Esse manifesto é importante para todo o Brasil. Precisamos ter essa reforma com ética e com bastante consciência do
que  será feito. Esperamos que não prejudiquem ninguém. Lógico que um ou outro será prejudicado, mas precisamos fazer essa mudança para o andamento do Brasil. Não podemos ficar paralisados amortecidos, sem fazer nada”.
Rui Evangelista dos Santos
Presidente da Associação de Engenheiros e Arquitetos de Santos – AEAS



 “Eu acho que a gente tem que estar unido sempre. Com esse manifesto, precisamos procurar sensibilizar ao máximo os nossos representantes que estão na Câmara e no Senado em Brasília, para se possa andar de maneira profícua e não acontecer o que estamos vendo, essa morosidade, essa maneira muito mal vista de como conduzir esse processo em Brasília.
Ricardo Beschizza
Presidente da Associação dos Empresários da Construção Civil da Baixada Santista – ASSECOB
Representou também o Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo – SINDUSCON e  p Sindicato da Habitação - SECOVI

                                       





Rua XV de Novembro, 137 - Centro Histórico, Santos / SP - CEP: 11010-151
E-mail: acs@acs.org.br - Telefone: (13) 3212-8200 - Fax: (13) 3212-8201

desenvolvido por marcasite